Teatro

O QUE SUPÚNHAMOS NÃO SER

Por Assessoria de Imprensa

A CiaSenhas de Teatro, de 6 a 10 de novembro de 2021, apresenta seu novo trabalho: O que supúnhamos não ser. A peça, com participação gratuita, será realizada por WhatsApp e terá um espectador por vez. Os ingressos podem ser retirados pelo link que será disponibilizado pelas redes sociais da companhia, a partir do dia 3 de novembro.

O que supúnhamos não ser é composta por 4 peças curtas, cada uma com aproximadamente 15 minutos de duração. A estrutura individual de cada trabalho foi criada a partir de proposições dos atores e das atrizes e constitui uma obra em si. No entanto, o tema e o formato unem os trabalhos individuais e criam uma obra feita de quatro partes. A dramaturgia é de Sueli Araujo e a direção é uma parceria de Sueli com Anne Celli.

Pelo WhatsApp, um ator encontra um espectador por vez e durante 15 minutos, juntos, “ensaiam” a construção de uma experiência compartilhada. Léo Moita apresenta a peça curta “Grito” – Perdido dentro de uma cozinha, um homem enfrenta a sua condição de ser homem no século XXI. Greice Barros, em “Festa” convida o espectador a acreditar que, apesar de todas as nossas mazelas atuais, a festa pode ser uma ação revolucionária. Rafael Di Lari traz uma despedida como uma celebração da vida em constante mudança, em “Adeus” e Ciliane Vendruscolo, em “Frutífera”, vive uma mulher que compartilha a alegria do corpo que deseja estar vivo.

Em 100 sessões remotas, a CiaSenhas convida os espectadores para, a partir de ações de encontro, viver uma experiência particular que vislumbra um futuro mais possível de viver junto. Com este trabalho, o grupo dá continuidade às investigações de criação de vínculos poéticos com o espectador, pesquisa a qual se dedica há 22 anos.

A Senhas também prepara um minidocumentário no qual assunta sobre a presença do espectador na criação das suas obras, o lançamento acontece no início de 2022.

O que supúnhamos não ser foi selecionado no Edital Teatro Novelas Curitibanas – Temporada 2019/2020 – Fomento em Teatro para Adultos. Um projeto realizado com o apoio do Fundo Municipal da Cultura – Programa de Apoio e Incentivo à Cultura – Fundação Cultural de Curitiba e da Prefeitura Municipal de Curitiba.

SOBRE A CIA SENHAS

A CiaSenhas de teatro tem 22 anos de existência. Ela nasce do desejo de produzir arte em grupo e de pesquisar a linguagem cênica de forma colaborativa. Desde 1999, o grupo tem feito espetáculos que tentam estabelecer diálogo com a sensibilidade do nosso tempo a partir de demandas poéticas e discursivas que emergem no interior do coletivo. Fazer teatro de grupo é uma escolha política adotada pela CiaSenhas. Trata-se de um gesto que entende a criação como uma ação consequente, onde cada artista envolvido possa entregar ao público uma obra cuja forma e conteúdo carregam o DNA das identidades individuais que formam o pensamento coletivo. O trabalho colaborativo se instaura como um intenso processo de compartilhamento de saberes, de experiências, de visão de mundo e de subjetividades.  Fazer teatro de grupo significa criar territórios de vida “comum” e de resistência através da arte.

FICHA TÉCNICA

Dramaturgia e Direção: Sueli Araujo | Assistência de Direção: Anne Celli |Atuação: CilianeVendruscolo, Greice Barros, Léo Moita e Rafael Di Lari | Preparação Corporal e Direção de Movimento: Cinthia Kunifas | Direção de Produção:Marcia Moraes | Produção Executiva:Edran Mariano | Desenho de Som/Trilha Sonora: Ary Giordani| Desenho de luz:Wagner Corrêa | Figurino e Cenário: Paulo Vinícius | Designer gráfica: Adriana Alegria | Assessoria de Imprensa: Fernando de Proença | Fotos: ElenizeDezgeniski | Redes Sociais: Cleydson Nascimento | Realização:CiaSenhas de Teatro

SERVIÇO:

O que supúnhamos não ser

de 06 a 10/11/2021

Sessões (4 peças simultaneamente): 19h / 19:30h / 20h / 20:30h / 21h

Os ingressos podem ser reservados, gratuitamente, a partir do dia 3 de novembro através do link disponível na bio do instagram da @ciasenhas

Posts relacionados
Teatro

''MARIAS: História de Pomba Giras'', o novo curta-metragem da CIA KÀ trás a contemporaneidade brutal do século 21

Teatro

Neste fim de semana te contos no Guairinha

Teatro

Primeiro Festival de Bolso de Teatro em Curitiba

Teatro

Teatro Guaíra será palco do "One Night Of Tina"

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.