Um espetáculo (de) no Rio

Por Bianca Nascimento

Muitos atores tem o sonho de trabalhar em produções artísticas no Rio de Janeiro. São Paulo também é outro dos destinos mais procurados. Esse frenesi, tem diversas influências que vem desde as novelas de Manoel Carlos, com cenas típicas e lindas da praia de Copacabana ou Leblon, junto com a ideia de que trabalhar no Rio é o ápice da carreira do artista no Brasil. Mas como atriz, morando aqui, descobri o quanto isso no final, é um interesse única e exclusivamente individual.

Você, ator, não vai passar num teste de filme na primeira vez. Você não vai fazer uma novela da Globo no segundo mês morando aqui. E provavelmente, vai ralar anos até conseguir alguma coisa bem legal. Até lá, vai fazer peça, ganhar pouco, trabalhar com outras coisas paralelamente, mas vai fazer a arte que aparecer com muito amor.

E eu vou te explicar o motivo, na minha experiência, porque mesmo diante de todas as dificuldades, ainda assim é tão gostoso ser ator no Rio:

Trabalhar com arte em nosso país, sempre é uma tarefa de amor, e um verdadeiro desafio, aonde quer que se esteja. Mas, a diferença que percebi aqui, é que muitos atores que conheci, assim como eu, acaba se apaixonando mesmo pela cidade. E aqui querem ficar.

Porque no Rio, é muito fácil não só fazer alguma produção que seja (se você buscar por isso), mas também consumir cultura. A cidade recebe constantemente novidades e lançamentos culturais. E sempre, há diferentes eventos, espaços, museus, paisagens, que anima o artista que respira cultura aqui.

Aqui também, percebo que os artistas ralam muito para fazer uma produção acontecer, em contrapartida porque no Rio também tem público, tem mercado. Tem diversos teatros, de diferentes formatos, o que possibilita diversas possibilidades de produções.

E as pessoas ainda vão ao teatro aqui, mesmo que numa onda menor que antigamente.

Além disso, a ideia de diversas produções serem gravadas aqui, como filmes, novelas, seriados, também abre um leque de possiblidades. Para um artista, morar numa cidade que vive um ritmo artístico onde tudo pode acontecer, a qualquer momento, porque simplesmente há muitas produções e gravações na cidade, é o que motiva um ator a morar aqui.

Eu continuo na luta, porque o sonho do ator, assim como sua arte, nunca acaba!

Bianca Nascimento

Jornalista, atriz, nômade. Em sua jornada na arte e jornalismo, Bianca Nascimento esteve à frente da assessoria de imprensa de projetos culturais em Curitiba e na comunicação da Secretaria da Cultura do Paraná. Sua alma nômade já a levou para a África do Sul, onde morou e trabalhou com marketing na área de intercâmbio. Agora, há dois anos morando no Rio de Janeiro, onde já se aventurou como atriz em teatro de comédia e musical, traz para o Jornal A Cena, literalmente, as novidades da cena cultural do Brasil para Curitiba e de Curitiba para fora.

Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja Também

Fechar
Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios