A arte de resistir e se reinventar

Por Bianca Nascimento

Quando falamos em arte no Brasil, já sabemos que é uma das áreas mais desvalorizadas.  Ainda mais em tempos de pandemia. Por isso, eu vejo como verdadeiros heróis os artistas que ainda lutam, resistem, e se reinventam em um momento tão difícil. Um desses exemplos brilhantes de resistência, é a atriz e cantora Fernanda Misailidis.

Eu já falei dela aqui, mas venho trazer novidades: essa artista carioca multifacetada venceu as barreiras da pandemia, principalmente as da falta de incentivo cultural. E mesmo assim, lançou o videoclipe do seu segundo single, “SETE CANTOS”. O lançamento da música é pelo Selo Caravela, com distribuição da Warner Music Brasil. O clipe está disponível no canal oficial da cantora no Youtube.

“A depressão, a sensação de claustrofobia da cidade grande, o excesso de trabalho que a sociedade induz e a cultura da produtividade desenfreada, foram a minha inspiração para essa música”, diz Fernanda, que também enfrentou obstáculos internos para produzir seu novo material. “Essa música é um conselho; um grito de liberdade para quem precisa deixar os seus fantasmas para trás”, diz.

A Fernanda conta também como foi o processo de produção desse videoclipe. “Por conta da pandemia, havíamos optado em não fazer clipe. Mas, durante a sessão de fotos, tivemos a ideia de gravar exatamente como estava; distorcido, bonito ou não, deixando as texturas falarem por si só. Para isso, exploramos alguns elementos da cidade grande: o cimento, o asfalto, o cinza, o grafite desbotado pela sujeira. A escolha por uma fotografia totalmente urbana, recheada de paredes grafitadas e com a paleta de cores características de uma metrópole reflete as dores da psique humana”, revela. 

O projeto é totalmente colaborativo e conta com artistas respeitados do meio musical: Cássio Acioli (bateria), Luiz Lopez (guitarras), Marcio Eduardo Melo (teclado), Rodrigo Gregory (acordeón) e Vinicius Veloso (baixo), que já tocaram com grandes nomes da música brasileira. No backstage: Adriana Milhomem, Areias Herbert, Djalma Amaral, Marcos Carvalho e Nano Max.

Confiram o resultado desse trabalho incrível. Inspirador!

Tags

Bianca Nascimento

Bianca Nascimento Jornalista, atriz, nômade. Bianca Nascimento esteve à frente da assessoria de imprensa de projetos culturais e políticos. Sua alma nômade já a levou a morar 211 dias África do Sul, onde trabalhou na área de intercâmbio. Há mais de mil dias mora no Rio de Janeiro, onde já se aventura como atriz. E também de lá compartilha no Jornal A Cena as novidades da cena cultural e lifestyle (turismo, comportamento, gastronomia, moda) da cidade maravilhosa.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios