Se você não assistiu Bacurau, assista!

Por Vanessa Ricetti Ricardo

Se você não viu o filme “Bacurau”, com certeza já ouviu falar. O filme brasileiro dos diretores Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles, lançado no Brasil em 2019, além de estar elegível para concorrer o Oscar 2021, levou mais um prêmio nesse início de ano, o de Melhor Filme Estrangeiro pela Associação de Críticos de Cinema de Toronto, no Canadá.

Eu sempre fui fã do cinema brasileiro, desde o seu primórdio. Poderia fazer uma longa lista de filmes que todo brasileiro deveria assistir, e claro que entre eles está Bacurau. Desde 2019, em todas as minhas conversas sobre a sétima arte, sempre falo que se não assistiu Bacurau, então deve assistir. Principalmente as pessoas que moram aqui no sul.

Eu não sei vocês, mas considero Bacurau como um soco no estomago, principalmente daqueles que se consideram melhores por ser descendentes de europeus. Aqui no sul, as pessoas têm esse costume de encher o peito e falar que seus bisa avôs ou tataravôs vieram de algum lugar do velho mundo.

Mas claro que Bacurau não fala só disso. Mas nesse momento que milhões de brasileiros se voltam ao Big Brother Brasil, e onde uma participante em seu discurso cometeu mais que uma gafe, mais sim uma atitude preconceituosa contra uma participante da Paraíba. Ficou muito mais claro, que as pessoas do sul precisam assistir Bacurau.

Se você não assistiu Bacurau, irei dar algumas razões para que coloque o filme na sua lista de prioridades.

O filme lançado em 2019 foi sem dúvida uma das produções cinematográficas mais esperadas daquele ano, traz um grande elenco como Lia de Itamaracá, Sônia Braga, Silvero Pereira, Udo Kier, Barbara Colen, entre tantos outros nomes que mereciam estar aqui.

O filme é recheado com críticas sociais, que nos levam a pensar sobre o Brasil atual. A obra passeia por diversos estilos, ele passa pelo suspense, faroeste e ficção científica. Sem dúvida Bacurau te trará um misto de emoções, e pra fechar com chave de ouro, vai te fazer pensar, refletir. Bacurau está longe de ser entretenimento, é um filme mais que necessário. Que venham mais obras como Bacurau. Por isso digo, viva a arte, viva o cinema brasileiro, viva Bacurau.

E se não assistiu, agora assista.

 

Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios