Solo Gabriel Schwartz

Músico se despede do Brasil realizando shows em cidades do Paraná.

 O músico Gabriel Schwartz prepara as malas para deixar o país por três anos em função de um mestrado no Canadá e, como despedida, preparou um show solo que mostra sua grande musicalidade e versatilidade. O projeto foi contemplado na 4ª Edição do Prêmio Arte Paraná e fará apresentações em quatro cidades do estado: Lapa, Santo Antônio da Platina, Rio Negro e Antonina. A primeira apresentação será na cidade da Lapa, no Theatro São João, dia 27, sexta-feira, às 20h. Entrada Gratuita.

Figura conhecida e respeitada no meio artístico paranaense, Schwartz coleciona diversos projetos de sucesso. Além de inúmeros shows realizados nos últimos 20 anos como músico e maestro assistente da Orquestra à Base de Sopro de Curitiba, atua como músico, arranjador e diretor musical em diversos projetos, shows, CDs e peças de teatro. Integrante do grupo Trio Quintina, criado há 20 anos, que se dedica a interpretar música popular brasileira, através de composições próprias e também de grandes compositores. O grupo formado também por Gustavo Schwartz e Fabiano Silveira (Tiziu) já soma, entre CDs e DVDs, oito títulos fonográficos lançados de maneira independente.

No projeto, o multi-instrumentista executa vários instrumentos de sopro, cordas e percussão, trazendo ao público variações de climas e ritmos que vão da valsa/choro ao jazz, passando pelo samba, rock/folk e ritmos do nordeste do Brasil. Em composições próprias e releituras de canções, Gabriel conduz sua apresentação ora construindo arranjos ao vivo com o auxílio do seu loopstation, pedaleira eletrônica, que permite gravar e reproduzir sons em tempo real, ora fazendo solos de flauta, saxofone, voz e seu violão/baixo de 8 cordas. No repertório, obras de Toquinho e Vinicius, Pixinguinha, Lennon/McCartney, Caetano Veloso, Egberto Gismonti, além de composições próprias.

A ideia central deste trabalho é manter o estilo desse artista múltiplo e propiciar o aparecimento de uma linguagem musical muito própria através da liberdade na composição e interpretação das músicas.

A estética proposta para a sonoridade do show tem como base a música de câmara com arranjos ricos em contrapontos melódicos e, por outro lado, para o acompanhamento rítmico, apresentará a simplicidade do violão folk, duas linguagens a princípio distintas, mas que estarão muito bem alinhavadas entre as músicas instrumentais e as canções.

SERVIÇO

O quê: 

Show Solo Gabriel Schwartz

 

Onde:

27/07 – Theatro São João – Lapa / 20h

07/08 – SESI Santo Antônio da Platina / 20h

16/08 – Cine Teatro Seminário – Rio Negro / 20h

21/08 – Theatro Municipal de Antonina / 15h

 

Entrada Franca

Crédito foto: Rosano Mauro Jr.

, , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *