A mostra “Memória, imagem e infância” traz ao MIS resgates de histórias

Abre nesta sexta-feira, dia 12 de julho, no Museu da Imagem e do Som, em Curitiba, a exposição “Memória, imagem e infância”. O fotógrafo curitibano Lex Kozlik participa da mostra com seu projeto “Caçadores de memórias”, que propõe um mergulho nos registros do passado para compreensão da própria história.

A exposição conta ainda com trabalhos de Guilherme Glück e outros artistas, que complementam a narrativa fotográfica de resgate da memória para a construção de uma história pessoal e também coletiva. Através das fotos, a mostra encoraja crianças e adultos a compreender suas origens e registrar suas trajetórias.

O projeto “Caçadores de Memórias” busca resgatar a genealogia pessoal para ver através do tempo. Explorando o poder da fotografia como registro, Lex Kozlik convida a viajar pelo passado para descobrir o presente e compreender sua própria identidade.

Sobre Lex Kozlik

Fotógrafo e publicitário, Lex Kozlik acredita que o poder das imagens vai além de conceitos que podemos compreender ou definir. Seu trabalho tem o objetivo de produzir imagens que se conectem ao imaginário, individual ou coletivo, consciente ou inconscientemente. Para conhecer mais sobre seu trabalho, acesse o site www.cacadoresdememorias.com.br

Serviço:

Exposição “Memória, Imagem e Infância”

Local: Museu da Imagem e do Som – Rua Barão do Rio Branco, 395 – Centro, Curitiba

Abertura: 12 de julho, sexta-feira, às 19h

Período expositivo: de 13 de julho a 13 de outubro de 2019

Entrada franca

Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios