Teatro

Antunes Filho: $odoma \G/omorra { TRANSMISSÃO } de Luiz Päetow

Inicialmente, em seu formato tradicional (pré-pandemia), o Festival de Curitiba apresentaria duas sessões de “Sodoma & Gomorra”, denominadas {tubos de ensaio I & II}, cujo objetivo era inaugurar os processos criativos do espetáculo inédito. Agora, em sua versão digital, o Festival realiza esta transmissão, que transcende as molduras convencionais do teatro. Com ela, o público terá acesso a uma fruição inesperada das artérias cênicas pesquisadas pelo visionário diretor Antunes Filho (1929-2019), a partir de sua peça inédita Sodoma & Gomorra.

A estreia em transmissão ao vivo pelas redes sociais do Festival de Curitiba e do Sesc-SP será no dia 20 de setembro, as 21h30, gratuitamente.  O Festival online segue até dia 24, com bate-papo sobre teatro, live do Grupo Triii”, sessão especial do projeto Teatro Vivo em Casa, com a peça “Maternagem” e a oficina “Compor a Cena”, com Paulo Moraes da Cia Armazém. Todas as são gratuitas.  Os shows, o bate papo e a oficina terão tradução em libras.

“Antunes Filho: $odoma \G/omorra” é um projeto secreto (de 1998) sonhado por Antunes em parceria com Päetow, mas que, devido à sua laboriosa gestação, nunca chegou a ser ensaiado. No último diálogo que tiveram, Antunes entregou-lhe um texto “inacabado” (já que, de acordo com seus notórios, longos processos criativos, somente chegaria à versão definitiva, quando fosse retrabalhado em cena) com a seguinte dedicatória: “Päetow, só você consegue encenar esta peça. Eu te amo! Antunes Filho“.

Há um ano começaram os esforços para concretizar este sonho, após 22 anos! Diante das inúmeras transformações sócio-científico-políticas transcorridas, fez-se urgente “reiventarmos” a obra. De fato, uma reinvenção, no sentido mais profundo, e leal, do termo, pois a meta essencial adquiriu ainda mais potência: investigar o nosso tempo neste espanto apocalíptico: pandemia e confinamento, dignos de Sodoma & Gomorra. A dramaturgia de Päetow autopsia rastros contemporâneos de passagens bíblicas escritas por Moisés (“Gênesis“) e João de Patmos (“Apocalipse“).

O primeiro ator a unir forças foi Matheus Nachtergaele, convidado para encarnar a personagem-protagonista. Tendo em mente a pulsante rediscussão do papel dos artistas na sociedade brasileira, o elenco se completa com outras vozes importantes: Grace Passô, Cacá Carvalho, Christian Malheiros, Elisa Ohtake, Jé Oliveira, Fabiana Gugli, Rodrigo Bolzan, Gabriela Flores, entre outras.

A concepção audiovisual explora os alicerces da gramática teatral, ao unir reflexão (a gênese nos bastidores) e catarse (o jogo imprevisível perfura o palco impenetrável): o teatro “efêmero” & o “ensaio” perpétuo. Tal fricção entre tempo & espaço (força motriz da Humanidade) solicita uma criação que nos desmonte e que se desmonte. Este é o projeto de Päetow, resultante de suas práticas teatrais com Antunes.

Apresentadores, patrocinadores e apoiadores  Festival de Curitiba tem parceiros fundamentais para sua realização e é patrocinado pelo Ebanx, Vivo, Uninter, Renault do Brasil, Continental, Banco RCI Brasil, Junto Seguros, Copel – Pura Energia, Sanepar, Governo do Estado e GRASP. O Programa Guritiba é apresentado por New Holland, com patrocínio de Novozymes e Fibracem. Acompanhe as informações e novidades do Festival de Curitiba e de seus apresentadores, patrocinadores e apoiadores pelo site www.festivaldecuritiba.com.br, pelo Facebook @fest.curitiba, pelo Instagram @festivaldecuritiba e Twitter @fest_curitiba.

Ficha Técnica

Artistas participantes : Matheus Nachtergaele, Grace Passô, Christian Malheiros, Jé Oliveira, Gabriela Flores, Elisa Ohtake.
Direção de fotografia : Julia Zakia

Edição e mapeamento de vídeos : Ivan Soares

criação, roteiro, produção e direção geral : Luiz Päetow

Duração: 30 minutos.

Classificação:

Programação:

18/09, às 20h – A Atuação do Espectador Teatral”Bate-papo teatral com convidados especialistas no assunto e mediação de Carol Scabora

19/09, às 16h – Show Online “Miudinho – Grupo Triii”

19/09, às 20h – Teatro Vivo em Casa – Sessão Especial: “Maternagem”

20/09, às 21h30 – “Antunes Filho : $odoma \G/omorra { TRANSMISSÃO } de Luiz Päetow”

21/09 a 24/09 das 20h às 22 – Curso “Compor a Cena”, com Paulo Moraes da Cia Armazém

*Todas as ações feitas de forma online e serão gratuitas.

Canais digitais do Festival de Curitiba
Todas as ações e atrações gratuitas

Facebook: @fest.curitiba
Instagram: @festivaldecuritiba
Youtube: youtube.com/festcuritiba
Informações: falecom@festivaldecuritiba.com.br
www.festivaldecuritiba.com.br

*Confira a programação e a classificação de cada atração

Posts relacionados
Teatro

Espetáculo sobre Chiquinha Gonzaga abre a 53ª. Mostra Multiartes Cena Hum

Teatro

Curitiba recebe apresentações gratuitas do premiado espetáculo “VIK”, do teatro ilusionista de Maicon Clenk

Teatro

Espetáculo teatral Admirável Futuro Novo, faz temporada gratuita em Curitiba

Teatro

Musical gratuito “Quem Prospera Sempre Alcança” chega em Curitiba unindo humor e educação financeira

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.