Turismo

O que é preciso para viajar para fora do país?

Olá pessoal, essa semana recebi vários e-mails perguntando sobre abertura de fronteiras e, principalmente, sobre o que é preciso para viajar para os Estados Unidos. Resolvi passar algumas informações sobre o assunto.

A primeira coisa a providenciar é o passaporte brasileiro. Para isso você pode entrar no site da Polícia Federal, preencher seus dados, gerar a GR, o boleto, pagar e aguardar uns dias para agendar seu atendimento. Hoje, a taxa de concessão de passaporte comum é de R$257,25.

O segundo passo é verificar se há necessidade de visto de turista. Caso precise, o melhor a fazer é contratar uma empresa especializada que vai lhe dar todo auxílio necessário.

Para o visto americano, por exemplo, você precisa, além do passaporte, uma série de documentos, dentre eles: declaração de Imposto de Renda, extrato bancário, comprovante de rendimentos etc. Tudo pode ser consultado com seu despachante ou direto no site do consulado.

Com o visto concedido, você tem a permissão para embarcar para o país de destino, mas isso não é garantia de passar na imigração quando chegar lá. Seu agente de viagens pode lhe ajudar com as informações importantes sobre essa entrada no país, como por exemplo, o que levar e o que não levar, quanto de dinheiro preciso ter para os dias que ficarei, preciso ter reserva de hotel, seguro viagem e demais detalhes.

O terceiro passo é verificar a necessidade de vacinas e seguro viagem.

No momento, as fronteiras de muitos países estão fechadas para brasileiros, mas aí vem uma questão muito importante: estão fechadas para brasileiros vindos do Brasil. Alguns países estão aceitando a entrada de brasileiros que fizerem quarentena em um país que tenha acordo para imigração no seu país de destino.

Vamos dar um exemplo: Se você comprar uma passagem para os Estados Unidos com conexão no México e fizer 15 dias de quarentena nesse país, sua entrada estará parcialmente autorizada. Mas atente-se para um detalhe importante: não há garantia de que você será aceito no país e precisa sempre, antes de embarcar, consultar as regras atuais pois, durante a pandemia, tem havido alterações com muita frequência.

A melhor coisa a fazer é consultar um agente de viagem ou a Embaixada do país.

Sobre o autor

Há mais de 20 anos atuando na área de turismo. Especialista em viagens com experiências Apresentadora do Programa Viaje com Roberta Freire na Elemental Channel ( em mais de 180 países pelas tv´s Sansung e LG) e , no Brasil, na COMBRASIL em todas as operadoras de tv ). Empresária do ramo de Turismo ( Planeta Vistos, Turismo Fácil, In Viaggio e Viaje com Roberta Freire), CEO da 4HEROES. Viajante, mãe, esposa e apaixonada por conhecer diferentes culturas e experimentar a vivência local.
Posts relacionados
Turismo

Dias 28 e 29 de janeiro acontece a Caminhada Noturna do Parque Vila Velha

Turismo

Parque Vila Velha lança temporada 2022 da sua Caminhada Noturna com novidades

Turismo

Destinos para casais em 2022: 7 viagens românticas no Brasil para impressionar o seu amor

Turismo

Portugal reaberto: Madeira se destaca como destino seguro e por seus atrativos imperdíveis

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.