“Eduardo e Mônica” é premiado no EDMONTON FILM FESTIVAL e esquenta corações no Canadá

Dirigido por René Sampaio e inspirado na canção de Renato Russo, longa-metragem recebeu o prêmio de Melhor Filme Estrangeiro no conceituado Festival Canadense.

“Eduardo e Mônica”, o longa-metragem baseado nos personagens criados por Renato Russo, foi premiado como Melhor Filme Estrangeiro no Edmonton Film Festival. O tradicional evento dedicado a filmes independentes e plurais aconteceu de forma presencial na cidade de Alberta, no Canadá.

O filme ainda será exibido nos dias 3 e 7 nas salas de cinema da cidade sem a presença da equipe pois a pandemia impossibilita o trânsito internacional no momento. Para a 7ª arte não existem barreiras e a história seguiu com sua força para trazer esse prêmio para o Brasil.  O  Edmonton Film Festival foi um dos poucos festivais que conseguiram ser realizados de forma presencial, com o filme sendo exibido na  tela grande em salas de cinema. “Essa foi uma exigência dos produtores para que o filme participasse de festivais. Desde o início da pandemia o filme foi convidado para diversos festivais que tiveram edições online, mas foi obrigado a declinar dos convites  até sua estreia comercial nas salas do Brasil” explica René Sampaio.

Segundo a produtora Bianca de Felippes a adaptação da famosa canção de Renato Russo, que teve sua estreia comercial adiada devido a pandemia de Covid-19,  tem previsão de chegar aos cinemas em 2021. “Nossa aposta é que Eduardo e Mônica seja um filme pra tela grande e por isso vamos esperar pra exibir nos cinemas, para que o público possa curtir essa história de amor com segurança”, complementa Bianca.

“Eduardo e Mônica” conta a história de amor que acompanha o relacionamento de Mônica (Alice Braga), a estudante de medicina e Eduardo (Gabriel Leone) o rapaz amante de novelas e futebol de botão, que precisam superar as muitas diferenças para viver um grande amor na Brasília dos anos 80.

Um dos maiores poetas de todos os tempos no cenário do rock brasileiro, Renato Russo conta em suas letras histórias inesquecíveis e ricas em detalhes , o que nos lembra o estilo de Bob Dylan. Renato inspirou muitas pessoas, sendo René Sampaio talvez o maior deles. O longa de estréia de Rene, “Faroeste Caboclo”, foi baseado na música épica de Renato, “Faroeste Caboclo”, com cerca de nove minutos de duração. Agora, Rene se inspira em uma das músicas mais queridas do autor, a divertida e emocionante “Eduardo & Mônica”. Este é o segundo filme de uma trilogia que o diretor e a produtora Bianca de Felippes farão inspirados em músicas do Renato.

‘Eduardo e Mônica’ tem produção da Gávea Filmes, Barry Company, Fogo Cerrado Filmes, coprodução da Globo Filmes, produção associada da Reprodutora e distribuição no Brasil da Downtown Filmes e Paris Filmes.

René Sampaio é um diretor, produtor e roteirista brasileiro. Seu longa-metragem de estreia, “Faroeste Caboclo” (2013), levou mais de 1,5 milhão de espectadores para os cinemas brasileiros e ganhou sete categorias no Prêmio da Academia Brasileira, incluindo Melhor Filme de Ficção. Ganhou assim reconhecimento mundial, além de estrear internacionalmente no Festival de Toronto, foi exibido no  Festival Internacional de Miami e no  Festival Internacional de Shangai, entre outros.

“Eduardo e Mônica” foi filmado em Brasília, no Rio de Janeiro e na Chapada dos Veadeiros durante oito semanas em 2018. A equipe principal contou com mais de 200 pessoas. A produtora Bianca De Felippes, o diretor René Sampaio, o diretor de fotografia Gustavo Hadba e o diretor de arte Tiago Marques, a produtora de elenco Marcela Altberg e o produtor executivo Gabriel Bortolini, entre outros profissionais, se uniram novamente depois do sucesso de “Faroeste Caboclo”.

“O filme é uma delicada história de amor que fala, entre outras coisas, sobre como é possível amar e respeitar quem pensa muito diferente de você. Em alguma medida, todos já foram o Eduardo ou a Mônica em alguma relação”, define o diretor René Sampaio. “Era muito importante para a gente ser fiel ao espírito do Renato. Das músicas compostas por ele, esta é a mais solar. Então, a ideia era manter essa energia”, acrescenta Bianca De Felippes.

Gabriel Leone e Alice Braga trabalham juntos pela primeira vez e vivem os dilemas das personagens que se apaixonam e começam um relacionamento, mesmo tendo idades e personalidades completamente diferentes. Também estão no elenco Otávio Augusto (como Bira, avô de Eduardo), Juliana Carneiro da Cunha (Lara, mãe de Mônica), Victor Lamoglia (Inácio, amigo de Eduardo), Bruna Spínola (Karina, irmã da Mônica) e Fabrício Boliveira em participação especial.

Com roteiro assinado por Matheus Souza em parceria com Claudia Souto, Michele Frantz e Jéssica Candal, o filme se passa em 1986, ano de lançamento do disco ‘Dois’, da Legião Urbana, e o espectador atento vai encontrar homenagens a emblemáticos eventos do período. A trilha sonora original foi composta por Lucas Marcier, Fabiano Krieger e Pedro Guedes, do ARPX Estúdio. O filme tem orçamento total de R$ 10 milhões O patrocínio é do FAC / GDF, Rio Filme e Telecine, com investimento do BNDES , BBDTVM e da TIM ( Investimage); BRDE, FSA, Ancine, coprodução da Globo Filmes,  distribuição da Downtown Filmes e Paris Filmes.

FICHA TÉCNICA

Investimento BNDES, BBDTVM e TIM

Patrocínio FAC / GDF, Rio Filme, Telecine

BRDE , FSA , ANCINE

Coprodução Globo Filmes

Produção Associada Reprodutora

Produção Gávea Filmes, Barry Company e Fogo Cerrado

Distribuição da Downtown  e Paris Filmes

Roteiro: Matheus Souza

Roteiro Final: Claudia Souto, Jessica Candal, Matheus Souza e Michele Frantz

Dirigido por René Sampaio

Produção de Elenco: Marcela Altberg

Preparação de Elenco: Sergio Pena

1º Assistente de Direção: Hsu Chien

Direção de Fotografia: Gustavo Hadba

Direção de Arte: Tiago Marques

Caracterização: Auri Mota

Figurino: Valéria Stefani

Maquinista Chefe: Edu Mourão

Gaffer: Jubel Magrão

Câmera: Lula Cerri

Trilha Sonora Original: Lucas Marcier, Fabiano Krieger, Pedro Guedes

Som Direto: Pedro Sá

Supervisão e Edição de Som: Miriam Biderman, ABC

Desenho de Som: Ricardo Reis, ABC

Mixagem: Toco Cerqueira

Finalização: Afinal Filmes

Montagem: Lucas Gonzaga

Supervisão de Pós-produção: Renato Tilhe

Direção de Produção: Barbara Isabella Rocha

Assessoria Jurídica: Roberto Silva

Assessoria de Imprensa: Factoria Comunicação

Produtores Associados: Fernando Meirelles e Alice Braga

Produção Executiva: Bianca De Felippes, Gabriel Bortolini e Tathiana Mourão

Produção: Bianca De Felippes e René Sampaio

Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios